Maranhão

Armas apreendidas no Maranhão são destruídas

Quase 1.000 armas de fogo foram destruídas no Maranhão em 2019, de acordo com levantamento do 24º Batalhão de Infantaria de Selva (24º BIS) e do Tribunal de Justiça do Maranhão.

Tuntum News 7 de janeiro de 2020

A incineração foi feita em uma siderúrgica na Região Tocantina. Segundo o Seção de Fiscalização de Produtos Controlados do 24º BIS, a operação durou o ano inteiro e contabilizaram 970 armas de fogo e 395 armas brancas incineradas.

A missão foi realizada em cumprimento à norma prevista no Art. 25 da Lei Nº 10.826, de 22 de dezembro de 2003 (Estatuto do Desarmamento), que confere essa atribuição ao Exército Brasileiro. A missão cumprida pelo ”Batalhão Barão de Caxias” está de acordo com os objetivos do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e se alinha às determinações previstas acordo de cooperação técnica firmado pelo órgão de controle do Poder Judiciário com o Exército Brasileiro desde 21 de novembro de 2017.

Comentários Facebook

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios