Maranhão

Maranhão registra um aumento de 5,70% nos emplacamentos de veículos

Os emplacamentos de veículos no Maranhão em 2019 tiveram um aumento de 5,70% na comparação com 2018, segundo números da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) divulgados nesta quinta-feira (02). Foram 82.490 unidades ano passado contra 78.044 de 2018, sendo que, proporcionalmente, o melhor desempenho foi para o segmento de Veículos Pesados (ônibus e caminhões).

Tuntum News 3 de janeiro de 2020

No segmento de Automóveis e Comerciais Leves, foram 31.943 veículos contra 30.116, o que representa uma variação de 6,07%. Já no segmento de Veículos Pesados, foram 1.974, ano passado, contra 1.534, em 2018, ou seja, aumento de 28,86%, e o de Motocicletas,  46.439 contra 44.490, o que significa um desempenho de 4,15%.

Quanto aos números do último mês do ano, a Fenabrave informa que foram emplacadas 7.435 contra 6.498 de novembro, e isto representou uma evolução de 14,42%. Foram 3.358 automóveis e comerciais leves, 147 veículos pesados e 3.748 motocicletas. Na comparação com dezembro de 2018, a variação foi de 17,11%.

Confira os números sobre os emplacamentos realizados no estado:

Tuntum News 3 de janeiro de 2020

Capital – No que se refere às vendas de São Luís, a estatística da Fenabrave aponta para um aumento de 9,78 nos emplacamentos de veículos em geral. Foram 24.992 unidades ano passado contra 22.765 do exercício anterior. Também na capital, o segmento de veículos pesados foi o que teve melhor desempenho, com 757 unidades em 2019 e 595 emn 2018, o que corresponde a um aumento de 27,23%.

Os emplacamentos de dezembro, com 2.462 unidades, representaram 15,05% a mais do que novembro (2.140) e na comparação com dezembro de 2018, quando foram emplacados 1.800, a variação foi de 26,78%.

Confira os números sobre os emplacamentos de veículos em São Luís:

Tuntum News 3 de janeiro de 2020

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios